12/02/2018 08h15 - Atualizado em 12/02/2018 08h15

Brasil finaliza presença no Grand Slam de Paris sem ganhar medalhas

Por: gazetaesportiva
 
 
Victor Penalber ficou com o sétimo lugar no peso meio-médio (Foto: Maryna Mayorova/IJF)
Victor Penalber ficou com o sétimo lugar no peso meio-médio (Foto: Maryna Mayorova/IJF)

Não deu para os judocas do Brasil. Após um primeiro dia de competições no Grand Slam de Paris sem a conquista de medalhas, o panorama se repetiu neste domingo e a Seleção encerrou sua participação na competição francesa sem presença no pódio.

Na categoria meio-médio, Victor Penalber ficou com a sétima colocação no dia final do Grand Slam. O brasileiro derrotou o português João Martinho por ippon, vencendo posteriormente o tunisiano Abdelaziz Ben Ammar e garantindo vaga nas quartas de final.

Na etapa, Penalber enfrentou o japonês Sotaro Fujiwara e foi derrotado. Na repescagem para a disputa da medalha de bronze, novo revés, dessa vez para o holandês Frank de Wit.

Os outros seis judocas do Brasil que tiveram participação confirmada para este domingo bem que tentaram, mas caíram precocemente em suas chaves. Foram eles: Samanta Soares (78kg), Rochele Nunes (+78kg), Camila Yamakawa (+78kg), Leandro Guilheiro (81kg), Eduardo Bettoni (90kg) e Rafael Buzacarini (100kg).

Com o fim do torneio, a próxima disputa dos brasileiros já tem data marcada: nos dias 23, 24 e 25 de fevereiro, a delegação vai até à Alemanha para participar do Grand Slam de Dusseldorf, no país germânico.