06/12/2017 08h09 - Atualizado em 06/12/2017 08h09

Em carta à irmã desaparecida, Belfort diz: "Não vejo a hora de seguir à minha 2ª jornada"

Por: combate
 

Nesta terça-feira, 5 de dezembro de 2017, é o aniversário de 43 anos de Priscila Belfort, irmã de Vitor Belfort, desaparecida desde 9 de janeiro de 2004. Este ano, o lutador decidiu homenageá-la escrevendo uma carta emocionada, que publicou nas redes sociais. No texto, o ex-campeão peso-pesado e peso-meio-pesado do UFC fala bastante sobre sua família, mas também relata detalhes de seu momento no MMA.

Eu escrevo essa carta diretamente de Montreal no Canadá, dia 14 de Janeiro farei minha última luta no @ufc . Pri, já fazem 21 anos lutando e confesso que não vejo a hora de poder dar seguimento a minha segunda jornada. Na qual todos que participarem sairão vencedores. Eu e a @joanapradob criamos a @belfortfitnesslifestyle um novo modelo de academias e ano que vem começamos a abertura para franquias. Estamos muito felizes com o resultado.

Vitor Belfort, 40, encara Uriah Hall no UFC St. Louis, dia 14 de janeiro, pelo peso-médio. Será a última luta de seu atual contrato com o Ultimate. Apesar de não ter ainda confirmado que vai se aposentar do MMA - ele tem pleiteado há meses uma categoria sênior com regras diferenciadas, que o possibilitariam estender sua carreira - a ênfase na "segunda jornada" deixa claro que o lutador pretende investir bastante na sua nova empreitada ao lado da esposa, Joana Prado, o modelo de academias e treinamento Belfort Fitness Lifestyle.