14/11/2017 07h10 - Atualizado em 14/11/2017 07h10

Polícia Federal e Receita cumprem mandados contra políticos e empresários em MS

Por: midiamax
 
 
Pelo menos 10 mandados, sendo 5 de prisão, serão cumpridos
Pelo menos 10 mandados, sendo 5 de prisão, serão cumpridos

Equipes da Polícia Federal e da Secretaria da Receita Federal cumprem na manhã desta terça-feira (14) mandados em endereços de políticos e empresários em Campo Grande.

Neste momento, viaturas estão na frente do prédio onde mora o ex-governador André Puccinelli. Informações preliminares apontam pelo menos mais 9 endereço a serem visitados, incluindo residência de parentes de Puccinelli. A operação teria pelo menos 5 mandados de prisão para cumprir, emitidos em investigações sobre atividades criminosas que envolveriam sonegação fiscal, ocultação de bens, enriquecimento ilícito.

Segundo informações, os prejuízos causados com fraudes e propinas pagas passam dos R$ 235 milhões, os valores repassados a título de propina eram mascarados com diversos tipos de operações simuladas, para dar a falsa impressão de licitude ao aumento patrimonial dos integrantes da Organização Criminosa ou dar maior sustentação financeira aos seus projetos. 300 policiais participam da operação, que esta fase decorreu da análise dos materiais apreendidos em fases anteriores.

No total são cumpridos dois mandados de prisão preventiva, dois mandados de prisão temporária, seis mandados de condução coercitiva, 24 mandados de busca e apreensão, além do bloqueio nas contas bancárias de pessoas e empresas investigadas.

Os mandados estão sendo cumpridos em Campo Grande, Nioaque, Aquidauana e São Paulo.